História, Monumentos e Paisagens do Reino da Jordânia - 14 A 19 DE NOVEMBRO DE 2015



«As imagens da antiga cidade Nabateia de Petra, esculpida na rocha há mais de mil anos, são, desde há muito, a primeira impressão que as pessoas têm da Jordânia. Apesar de Petra ser uma das atracções mais impressionantes do Médio Oriente, a Jordânia tem muito mais para oferecer ao turista de hoje. O Reino Hachemita da Jordânia, ponte bastante percorrida entre o mar e o deserto, entre o ocidente e oriente, é um local de beleza e de contrastes: Amã, a capital, cidade de fascinantes contrastes situada entre o deserto e o fértil vale da Jordânia; Petra, a cidade rosada, jóia do sul e única; Monte Nebo e Madaba...».

Com uma rica herança de civilizações passadas, a Jordânia é um reino repleto de história e cultura, uma experiência imperdível.



Dia 1 |
14 de Novembro (Sábado) – LISBOA / FRANKFURT / AMÃ


Comparência no Aeroporto de Lisboa junto ao Meeting Point Top Atlântico para entrega das documentações de viagem e assistência nas formalidades de embarque. Pelas 07h10 partida em voo regular, da Lufthansa com destino a Amã, via Frankfurt.
Chegada pelas 19h55, assistência e transporte para o Geneva Hotel 4*.

Check-in
, jantar e alojamento.

Dia 2 | 15 de Novembro (Domingo) AMÃ / MADABA / MONTE NEBO / KARAK / PETRA


Após o pequeno-almoço no hotel, saída para visita de Madaba, conhecida como a "Cidade dos Mosaicos" onde visitaremos a Igreja de S. Jorge que alberga o mapa da Terra Santa elaborado no ano de 571 d.C. Continuação para Monte Nebo, conhecido por ser o local onde possivelmente estará sepultado Moisés. A partir do topo do Monte Nebo observa-se uma magnífica vista panorâmica da Terra Santa e do Vale do rio Jordão. De acordo com a Bíblia, a última vez que a Arca da Aliança foi vista foi no Monte Nebo. Almoço em restaurante local. Seguiremos pela Estrada do Rei até à fortaleza de Karak, edificada pelos templários, entre 1110 e 1143 d.C., na época das Cruzadas. Continuação para Petra e check-in no Petra Moon Hotel 4*.

Jantar e alojamento no Hotel.

 

Dia 3 | 16 de Novembro (Segunda-Feira) PETRA


Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de Petra, considerada como uma das sete maravilhas do mundo moderno, escavada em rocha rosa há mais de 2000 anos e com um impressionante conjunto monumental: o Tesouro (El Khazneh), o Teatro, a rua das colunas e vários túmulos reais. Petra é património mundial da UNESCO. Almoço em restaurante local. Algumas das cenas mais famosas do filme Indiana Jones e a Última Cruzada (1989) foram  filmadas em Petra.

Regresso ao Hotel Petra Moon 4*. Jantar no Hotel e alojamento.

 

Dia 4 | 17 de Novembro (Terça-Feira) PETRA / WADI RUM / AQABA / AMÃ


Pequeno-almoço no hotel. Saída para passeio de jipe no deserto de Wadi Rum, local, onde em 1962, foi gravado o filme Lawrence da Arábia. O deserto de Wadi Rum é património mundial da UNESCO devido ao seu valor universal excepcional. De seguida iremos para Aqaba, também chamada Ayla na Idade Média, cidade costeira do extremo sul da Jordânia, capital da província jordana homónima. Único porto marítimo do país, esta cidade é de importância estratégica para a Jordânia. Após o almoço, partida em direcção a Amã, visita panorâmica, passagem pela praia e tempo livre.

Chegada ao Geneva Hotel 4*. Jantar e alojamento.

 

Dia 5 | 18 de Novembro (Quarta-Feira) AMÃ


equeno-almoço no hotel. Saída para visitar, nadar e relaxar no Mar Morto, o mar “fechado” onde se localiza a maior depressão à superfície da terra, com cerca de -400m em relação ao nível do mar. O nome deste mar deve-se ao facto da quantidade de água que dele se evapora, ser muito superior à quantidade de água que nele se deposita, levando a que a sua quantidade de sal seja muito superior à da água do mar (cerca de 10 vezes maior), impossibilitando a existência de qualquer forma de vida no lago. Almoço em restaurante local e regresso ao Hotel em Amã, resto do dia livre para outras actividades de carácter pessoal e compras.

Em horário a combinar saída para o aeroporto de Amã e formalidades de embarque.

 

Dia 6 | 19 de Novembro (Quinta-Feira) AMÃ / FRANKFURT / LISBOA


Pelas 03h00, partida em voo regular da Lufthansa com destino a Lisboa, via Frankfurt.

Chegada a Lisboa pelas 11h10, formalidades de desembarque.

Fim da Viagem 

História, Monumentos e Paisagens do Reino da Jordânia
14 a 19 de Novembro de 2015



PREÇOS:
  • 10 ou mais participantes
    Preço para Associado da AAJBA: 1.690 Euros
    Preço para não associado da AAJBA: 1.740 Euros
    Suplemento de quarto individual: 159 Euros

  • 15 ou mais participantes
    Preço para Associado da AAJBA: 1.490 Euros
    Preço para não associado da AAJBA: 1.540 Euros
    Suplemento de quarto individual: 159 Euros



INSCRIÇÕES E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO:

  • O prazo limite para as inscrições será o dia 17 de Agosto de 2015. (Atenção – inscrições limitadas à capacidade dos lugares bloqueados nos voos.)

  • Inscrições confirmadas mediante pagamento de um depósito não reembolsável de 525€ até 17 de Agosto de 2015. (O valor acima apresentado foi calculado para uma base de 10 participantes, na eventualidade de haver 15 ou mais inscritos, o valor da viagem será ajustado.)


MODALIDADE DE PAGAMENTO EM TRÊS PRESTAÇÕES

  • o primeiro pagamento: um depósito não reembolsável de 525€ até 17 de Agosto de 2015;
  • o  segundo pagamento: 890€ até dia 2 de Setembro de 2015;
  •  o terceiro pagamento: o remanescente até dia 16 de Outubro de 2015.

(Os valores acima apresentados foram calculados para uma base de 10 participantes, na eventualidade de haver 15 ou mais inscritos, o valor da viagem será ajustado).


PAGAMENTOS

  • Cheque à ordem de Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda
  • Transferência bancária NIB 0010 0000 2468 3460 001 66 – BPI


SERVIÇOS INCLUÍDOS NESTES PREÇOS:
  • Passagem aérea Lisboa / Frankfurt / Amã / Frankfurt / Lisboa em voos regulares da Lufthansa em classe económica (valor a reconfirmar no momento da reserva);
  • Taxas de aeroporto, segurança, combustível (aprox. € 288,00 – sujeitas a alteração até à data de emissão dos bilhetes);
  • Assistência e transporte privado do aeroporto para os hotéis e vice-versa;
  • Alojamento de 2 noites em Amã + 2 noites em Petra nos hotéis seleccionados ou similares;
  • Refeições de acordo com o programa sem bebidas incluídas, excepto o almoço do 5º dia que inclui 1 refrigerante + 1 água.
  • Late Check-out no Hotel em Amã em pensão completa;
  • Acompanhamento por representante Top Atlântico durante toda a viagem;
  • Acompanhamento por representante da Direcção da AAJBA durante toda a viagem;
  • Visitas de acordo com o programa com guia local a falar Inglês / Português / Espanhol (entradas incluídas conforme mencionado no programa);
  • Seguro de assistência em viagem (Capital € 25.000,00);
  • Taxas de turismo, serviço e IVA.


SERVIÇOS NÃO INCLUÍDOS
  • Obtenção de Passaporte (validade de 6 meses em relação à data da viagem);
  • Partidas do Porto, Faro e Ilhas;
  • Taxa de saída de Amã (USD 14.00 por pessoa a pagar directamente no aeroporto);
  • Gratificações;
  • Serviços opcionais;
  • Extras de carácter pessoal e qualquer outro serviço não mencionado.

INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES:

Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda (AAJBA)
Jardim Botânico da Ajuda. Calçada da Ajuda, 1300-011 Lisboa. Portugal (GPS: N38°42'23.77" W9°12'8.75")
tel: [+351] 213 628 284 | telm: [+351] 915 297 903 | fax: [+351] 213 622 503 |
web: www.aajba.com | e-mail: info@aajba.com

 

 

FESTIVAL DOS JARDINS DE PONTE DE LIMA
- 17 E 18 DE OUTUBRO DE 2015


Dia 1 | 17 OUTUBRO 2015 – LISBOA / PONTE LIMA

07h15 – Comparência no Jardim Botânico da Ajuda (entrada da Calçada do Galvão).
07h30 – Saída em autocarro privado em direcção a Ponte de Lima.

Visita ao Parque Temático do Arnado. A ideia da criação deste jardim teve como principal objectivo permitir aos visitantes fazer uma viagem pela história de arte dos jardins. Através da reutilização das estruturas pré-existentes da exploração agrícola, nos antigos campos foram integrados nos antigos jardins eruditos característicos de diferentes épocas. Para além disso fazem-se também plantações com um sentido pedagógico, permitindo a constituição de um verdadeiro horto botânico, onde se integra uma grande estufa.

Almoço no Restaurante Cozinha Velha ou similar.

 

Visita ao Museu do Brinquedo Português (entrada incluída), onde poderá ficar a conhecer um pouco mais acerca dos fabricantes portugueses de brinquedos, desde os finais do século XIX até 1986, com base no início do fabrico de brinquedos em série, e com términus na data de entrada de Portugal na CEE.

Após a visita ao Museu do Brinquedo Português, atravessamos a antiga Ponte sobre o Rio Lima, que veio a emprestar o nome à localidade e é considerada o principal monumento do concelho. A Ponte une as duas margens do Lima é uma obra única do tempo do Imperador romano Augusto construída há cerca dois mil anos.

 

Depois da travessia, já na margem esquerda do Rio Lima, iremos visitar o Centro histórico da cidade passando pelo(a): Torre de S. Paulo, Pelourinho, Torre da Cadeia Velha, Arco da Porta Nova, Avenida dos Plátanos, Capela de Nossa Senhora da Guia, e ao notável conjunto formado pelas Igrejas de Santo António dos Frades e da Ordem Terceira de S. Francisco recentemente recuperadas e que albergam o Museu dos Terceiros (entrada incluída) onde podemos admirar um precioso conjunto de arte sacra. De volta ao centro da vila, passamos pelo edifício da Biblioteca Municipal e pela Igreja Matriz, mandada reconstruir por D. João I.

No fim da visita ao centro da cidade, partida em direcção ao Hotel Axis Ponte de Lima – 3* ou similar.

Jantar e alojamento.

 

Dia 2 | 18 OUTUBRO 2015 – PONTE DE LIMA / LISBOA

Pequeno-almoço no Hotel e saída para visita ao Festival dos Jardins (entrada incluída) que se realiza nesta localidade. Subordinado a um tema diferente em cada ano, a este Festival concorrem diversos projectos nacionais e internacionais, sendo seleccionados doze que são construídos em Ponte de Lima. Durante cinco meses, estes jardins efémeros podem ser visitados e apreciados pelo público, que tem assim uma oportunidade para tomar contacto com novas abordagens na concepção de espaços verdes e diferentes tendências criativas.

Após esta visita, almoço no Restaurante Açude ou similar.

 

Finda a refeição, partida com destino às Lagoas de Bertiandos e S. Pedro de Arcos (entrada incluída). Aqui iremos efectuar um percurso de 1,6 Km - o percurso da Lagoa tem como principal objectivo permitir a interpretação da lagoa de S. Pedro de Arcos e dos valores a ela associados. A lagoa constitui um dos habitats de zona húmida, mais representativos da área protegida e também um dos mais espectaculares ao nível paisagístico. A existência de dois postos de observação, locais privilegiados para encontrar informação sobre o sistema em causa, permitem contemplar várias espécies de avifauna aquática como a garça-real, o pato-real, a galinha-d'água, narcejas, mergulhão-pequeno, etc. Ao longo deste percurso poderá observar outras espécies de fauna, nomeadamente de passeriformes e anfíbios bem como, aperceber-se da importância da intervenção humana no local.

No fim da visita, regresso a Lisboa. Paragens técnicas durante o trajecto.

Chegada ao Jardim Botânico da Ajuda, ao início da noite.

Fim do Passeio

FESTIVAL DOS JARDINS DE PONTE DE LIMA -
17 E 18 DE OUTUBRO DE 2015


PREÇOS:
  • Preço para Associado da AAJBA: 242,00 € (com 16 ou mais inscrições)
    Preço para não associado da AAJBA: 271,00 (com 16 ou mais inscrições)
    Suplemento de quarto individual: 44,00 €

  • Nota: a viagem só se realizará com um mínimo de 16 participantes.


INSCRIÇÕES E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO:

  • Inscrição mediante pagamento de um depósito não reembolsável* no valor de 136 € até 27 de Setembro.(*salvo cancelamento da viagem por falta de inscrições).

  • Pagamento do remanescente até dia 7 de Outubro de 2015.



PAGAMENTOS

  • Cheque à ordem de Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda
  • Transferência bancária NIB 0010 0000 2468 3460 001 66 – BPI


SERVIÇOS INCLUÍDOS NESTES PREÇOS:
  • Autocarro de Turismo com ar condicionado para o trajecto Lisboa / Ponte de Lima / Lisboa;
  • Estadia de 1 noite no Hotel Axis Ponte de Lima – 3* ou similar, incluindo o pequeno-almoço diário;
  • 3 refeições conforme mencionado no programa;
  • Visitas de acordo com o itinerário, acompanhadas por guia oficial;
  • Visita ao Museu do Brinquedo Português, Museu dos Terceiros;
  • Entrada no Festival dos Jardins em Ponte de Lima;
  • Visita às Lagoas de Bertiandos e S. Pedro de Arcos;
  • Taxas hoteleiras, de turismo, serviço e IVA, à taxa em vigor a 22 Jul.15;
  • Seguro de viagem;
  • Livro de viagem Oasistravel;
  • Documentação com informações detalhadas sobre a viagem.


SERVIÇOS NÃO INCLUÍDOS
  • Quaisquer serviços que não se encontrem devidamente mencionados no presente programa, e extras efectuados
    durante a estadia, tais como, bebidas nas refeições, telefonemas, lavagem de roupa etc.



INFORMAÇÕES E INSCRIÇÕES:

Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda (AAJBA)
Jardim Botânico da Ajuda. Calçada da Ajuda, 1300-011 Lisboa. Portugal (GPS: N38°42'23.77" W9°12'8.75")
tel: [+351] 213 628 284 | telm: [+351] 915 297 903 | fax: [+351] 213 622 503 |
e-mail: info@aajba.com

 

 

 

ITÁLIA - VILAS DO IMPÉRIO ROMANO AO RENASCIMENTO
2 A 9 DE SETEMBRO DE 2015



Villa Lante, século XVI, situada em Bagnaia, perto de Viterbo

«Construir é colaborar com a terra; é pôr numa paisagem uma marca humana que a modificará para sempre; é contribuir também para essa lenta transformação que é a vida das cidades. Quantos cuidados para encontrar a situação exacta de uma ponte ou de uma fonte, para dar a uma estrada na montanha a curva ao mesmo tempo mais económica e mais pura... [...] Villa era o túmulo das viagens, o último acampamento do nómada, o equivalente, construído em mármore, das tendas e dos pavilhões dos príncipes da Ásia».
Marguerite Yourcenar - Memórias de Adriano. Lisboa: Editora Ulisseia, 1985 (1951), pp. 110-111.

«Ontem vim para a Villa de Careggi, não para cultivar os meus campos, mas a minha alma. Venha ter connosco, Marcílio, o mais rápido possível. Traga consigo o livro de Platão De Summo Bono».
Carta de Cosimo de Medici, de 1462, dirigida a Marcílio Ficino (líder da Academia Platónica)

Viagem cultural comentada pela Presidente da AAJBA, Arq.ª Pais. Sónia Talhé Azambuja, docente universitária (ISA/ULisboa e FCT/UAlg) de História e Teoria da Arte dos Jardins e de História da Arte Geral, que falará sobra a história dos jardins, a linguagem simbólica da flora e interpretará as principais obras de arte (pintura, escultura e arquitectura).

Na viagem cultural a Itália, sob o tema das Vilas do Império Romano ao Renascimento, iremos fazer um passeio através da História, percorrendo as regiões de Véneto (Veneza e Pádua), Toscânia (Florença), Viterbo (Bagnaia e Bomarzo), Campânia (Pompeia e Cassino) e Lácio (Roma e Tivoli). O nosso itinerário cultural visitará jardins e palácios (villae de Pompeia, Villa Adriana, Villa Medici, Villa Lante, Villa d’Este, jardins do Vaticano, etc.), museus (Galleria degli Uffizi, Palazzo Pitti, etc.), praças (Piazza San Marco, Prato della Valle, Praça de São Pedro, etc.) e basílicas/catedrais (Basílica de São Marcos, Abadia de Montecassino, Basílica de Santo António, Catedral de Santa Maria das Flores, Basílica de São Pedro, Capela Sistina, etc.), autênticas obras-primas da Arte, da Arquitectura e da Arquitectura Paisagista. A imponente Villa Adriana, em Tivoli, era o “túmulo das viagens” e das conquistas do Imperador Adriano (século II d.C.), uma tentativa da concretização do paraíso terreno e o lugar do seu refúgio intelectual. No tempo do Imperador Adriano o Império Romano estendia-se desde a muralha de Adriano, em Inglaterra, até ao Egipto. As vilas italianas do Renascimento, localizadas nas encostas panorâmicas em torno de Veneza, passaram a estar abertas à paisagem. A Villa Medici di Fiesole, destaca-se por ter sido a primeira villa de traçado e composição verdadeiramente renascentista, sendo os seus jardins palco das discussões filosóficas da Academia Platónica (criada pelos Médicis na Villa de Careggi e depois.

O lucro das viagens promovidas pela AAJBA é investido na conservação, restauro e valorização do Jardim Botânico da Ajuda, primeiro jardim botânico português, fundado em 1768.

Programa


Dia 1 | 2 DE SETEMBRO DE 2015 (Quarta-feira)
LISBOA / VENEZA / PÁDUA - PARTIDA PARA ITÁLIA & VISITA A VENEZA


06h30
Comparência no aeroporto de Lisboa, na loja da GeoStar situada na zona das partidas para entrega da documentação e assistência pelo representante da GeoStar nas formalidades de embarque. Partida com destino a Veneza, em voo regular da companhia aérea TAP Air Portugal.
  • TP 864 – LISBOA / VENEZA – 08h30 / 12h25

Nota: Possibilidade de voo de ligação com a TAP do Porto, com chegada a Lisboa às 06h50.

À chegada ao aeroporto de Veneza, recolha das bagagens e assistência pelo nosso representante local. Almoço em restaurante local. Após o almoço visita a pé pela cidade de Veneza, uma das cidades mais belas do mundo! Chegada a Veneza e travessia de barco até à Piazza San Marco. A Piazza San Marco é a grande praça de Veneza, chamada de "sala de visitas da Europa". Visita do Palazzo Ducale, também designado como Palácio dos Doges, foi a residência oficial de 120 doges que governaram Veneza de 697 a 1797. É um símbolo da cidade de Veneza e uma obra-prima que conjuga três estilos arquitectónicos - Gótico, Mourisco e Renascimento. Destaque ainda para a Basílica di San Marcolocalizada ao lado do Palácio do Doge. É a mais famosa das igrejas de Veneza e um dos melhores exemplos da arquitectura bizantina.

Ao final da tarde, transporte privativo até Pádua onde o grupo ficará hospedado no Hotel Crowne Plaza Padova. Chegada ao Hotel e distribuição de quartos. Jantar livre e alojamento.

 

Dia 1 | 3 DE SETEMBRO DE 2015 (Quinta-feira)
PÁDUA / VENEZA / PÁDUA - VISITA DE DOIS JARDINS SECRETOS DE VENEZA & VISITA PANORÂMICA DE PÁDUA

Pequeno-almoço servido no hotel. Em hora a informar localmente, saída para visita de dois jardins privados secretos de Veneza com guia. Vários palácios privados venezianos escondem, por detrás de muros, jardins surpreendentes. Almoço servido em restaurante local. Após o almoço, visita panorâmica da cidade a pé. Pádua é uma cidade cheia de vida e por onde passaram filósofos, sábios e estudiosos. A Universidade de Pádua, fundada em 1222, é uma das mais antigas e prestigiadas do mundo, tendo chegado a ter Galileu Galilei como professor. Com mais de 3000 anos de história, Pádua é uma cidade de riqueza cultural e histórica inigualável. A sua atracção principal é a famosa Basílica de Santo António (1232–1307), por onde passam cerca de 6 milhões de peregrinos e turistas por ano, para ver o lugar onde foram guardados os restos mortais do Santo António de Lisboa (1195-1231). A poucos passos da Basílica encontra-se o Prato della Valle, a maior praça de Itália e uma das maiores da Europa. No centro da praça existe uma ilha que é circundada por 78 estátuas que representam as pessoas importantes da cidade. Continuação com a visita do Jardim Botânico de Pádua (Património Mundial da UNESCO desde 1997).

O Jardim Botânico de Pádua fundado no ano de 1545 é o jardim botânico de carácter universitário mais antigo do mundo. Tem uma área de cerca de 2 ha com uma grande colecção plantas medicinais. Foi da Universidade de Pádua, detentora do Jardim Botânico de Pádua, que veio Domingos Vandelli, o primeiro Director do Jardim Botânico da Ajuda, fundado em 1768. O Jardim Botânico de Pádua serviu de inspiração para o estabelecimento do primeiro jardim botânico português, o Jardim Botânico da Ajuda. Regresso ao hotel ao final da tarde.

Jantar livre e alojamento.

 

Dia 3 | 4 DE JULHO DE 2015 (Sexta-feira)
PÁDUA / FLORENÇA - VISITA DA GALERIA DOS UFFIZI, PALÁCIO PITTI & JARDINS DE BOBOLI

Pequeno-almoço servido no hotel. Check-out e saída em autocarro privativo em direcção a Florença. Visita à Galleria degli Uffizi (Galeria dos Uffizi, “Galeria dos Ofícios”), o mais conhecido museu de Florença e um dos relevantes museus do mundo. Destaque para a Sala da Tribuna de Uffizi, a sala mais antiga do museu que se transformou num símbolo romântico tornado famoso pela moda europeia do Grand Tour. No Museu da Galeria Uffizi podemos observar obras-primas de mestres como Giotto, Leonardo da Vinci, Albrecht Dürer, Miguel Ângelo, Sandro Botticelli, Ticiano, Andrea Mantegna, Caravaggio, entre outros. Almoço em restaurante local.

Após o almoço visita do Palazzo Pitti, um grande palácio renascentista/maneirista. Está situado na margem direita do rio Arno, a pouca distância da famosa Ponte Vecchio. O aspecto actual do palácio data do séc. XVII, tendo sido originariamente (1458) projectado por Filippo Brunelleschi, ou pelo seu aprendiz Luca Fancelli, como residência urbana de Luca Pitti, banqueiro florentino rival dos Médicis. Foi comprado em 1539 pela Família Médici, para servir de residência oficial dos Grandes Duques da Toscânia e já acolheu dinastias notáveis para além dos Médici, como os Lorena, os Bourbon, os Bonaparte e os Sabóia. Hoje em dia o Palácio Pitti é um exemplo da inovadora arquitectura renascentista com as suas salas ricamente decoradas e belíssimos Jardins Boboli, albergando ainda vários museus de grande relevância: A Galeria Palatina, o Museu da Prata, o Museu do Traje, o Museu da Porcelana, a Galeria de Arte Moderna, os Aposentos Reais e a recentemente adquirida Colecção Contini-Bonacossi.

Continuação e visita dos Jardins Boboli. Considerado como um autêntico museu ao ar livre, os Jardins de Boboli são um dos jardins históricos italianos mais conhecidos no mundo, apresentando um número excepcional de esculturas clássicas.

Chegada ao Hotel Idea Firenze Business e distribuição dos quartos. Jantar livre e alojamento.

 

Dia 4 | 5 DE SETEMBRO DE 2015 (Sábado)
FLORENÇA / FIESOLE / FLORENÇA - VISITA PANORÂMICA DE FLORENÇA & VISITA À VILLA MEDICI DI FIESOLE

Pequeno-almoço servido no hotel. Saída para visita panorâmica a pé da cidade de Florença. Florença é a capital e a maior cidade da região Toscânia, foi o berço do Renascimento italiano e é considerada como uma das cidades mais belas do mundo. O Centro Histórico de Florença está inserido, desde 1982, na lista do Património Mundial da UNESCO. Destaque para a Basílica di Santa Croceou Basílica de Sta. Cruz. A Basílica de Santa Cruz é a principal igreja franciscana em Florença e uma das principais basílicas da Igreja Católica no mundo. Está situada na Piazza di Santa Croce e é o lugar onde estão sepultados alguns dos mais ilustres italianos, tais como Miguel Ângelo, Galileu Galilei, Maquiavel e Rossini, sendo apelidada de Panteão das Glórias Italianas e a Catedral de Santa Maria del Fiore, Duomo de Florença e catedral da arquidiocese de Florença. A sua construção teve início em 1296, tendo terminado em 1436, podendo acomodar até trinta mil pessoas. Ao final da tarde, transfer para o Hotel Idea Firenze Business. Almoço em restaurante local.

Após o almoço, saída em autocarro privativo para visita da Villa Medici di Fiesole, pequena cidade localizada numa colina a cerca de 6 km de Florença, é uma das villas dos Medici mais bem conservadas, expoente máximo da villa renascentista. A Villa Medici em Fiesole é a quarta mais antiga vila dos Medicis, depois das duas situadas na região do Mugello (Villa Medicea di Cafaggiolo e Villa Medicea del Trebbio) e da Villa Medicea di Careggi. Distribui-se sobre três terraços em níveis diferentes com uma vista panorâmica sobre Florença. As Vilas e Jardins do Médicis na Toscânia foram inseridas, em 2013, na lista do Património Mundial da UNESCO.

Regresso ao hotel ao final da tarde. Jantar livre e alojamento.

 

Dia 5 | 6 DE SETEMBRO DE 2015 (Domingo)
FLORENÇA / BAGNAIA / BOMARZO / ROMA - VISITA DA VILLA LANTE, PARQUE DOS MONSTROS & BOSQUE SAGRADO

Pequeno-almoço servido no hotel. Check-out e saída com guia local em direcção a Bagnaia para visita da Villa Lante. Os jardins maneiristas da Villa Lante (1568-1578), projectados pelo arquitecto Vignola para o Cardeal Giovanni Gambara, são considerados uma obra-prima da História da Arte dos Jardins. A Villa Lante foi inspiração para o traçado dos jardins do Palácio Fronteira (Lisboa). Continuação da viagem até Bomarzo. Almoço em restaurante local.

Após o almoço, visita do Parque do Bosque Sagrado Bomarzo (1542-1585), também conhecidos por Parque dos Monstros, é um dos mais extraordinários e enigmáticos jardins do Maneirismo italiano. O mentor deste parque foi Conde Pier Francesco Orsini (1513–1584), que o criou como forma de homenagear a sua mulher falecida, Giulia Farnese. O parque desenvolve-se no fundo de um vale de frondosa vegetação, sendo pontuado por esculturas grotescas e construções singulares (Templo da Eternidade, Torre Inclinada, Escadaria do Ogre, etc.). Continuação da viagem até Roma e ao Hotel Mercure Roma West.

 

Chegada ao hotel e distribuição dos quartos. Jantar livre e alojamento.

 

Dia 6 | 7 DE SETEMBRO DE 2015 (Segunda-feira)
ROMA / TIVOLI / ROMA - VISITA DA VILLA ADRIANA, VILLA D'ESTE & TIVOLI

Pequeno-almoço servido no restaurante do hotel. Saída com o guia local em direcção a Tivoli, para visita das Villa Adriana e Villa d’Este. A Villa Adriana construída, no século II d.C., para o Imperador Adriano, constituiu um dos conjuntos monumentais mais notáveis da Antiguidade Clássica. A Villa Adriana era o “túmulo das viagens” do Imperador, evocando na sua arquitectura e jardins as obras e os lugares que Adriano viu e conquistou para o Império Romano. A Villa Adriana foi incluída, em 1999, na lista do Património Mundial da UNESCO. Almoço em restaurante local. Após o almoço visita à Villa d’Este, classificada pela UNESCO, desde 2001, como Património Mundial. Os jardins maneiristas da Villa d’Este, c. 1550, são uma obra-prima do arquitecto Pirro Ligorio para o Cardeal Hipólito d’Este. O complexo sistema hidráulico deste jardim é um dos mais notáveis das vilas italianas do século XVI. Tempo ainda para fazer um breve passeio por Tivoli, antes de regressar ao hotel em Roma.

Jantar livre e alojamento.

 

Dia 7 | 8 DE JULHO DE 2015 (Terça-feira)
ROMA / MONTECASSINO / POMPEIA / ROMA - VISITA DA ABADIA DE MONTECASSINO & PARQUE ARQUEOLÓGICO DE POMPEIA

Pequeno-almoço servido no hotel. Saída com guia local para visita da Abadia de Montecassino, situada no topo do Monte Cassino, a Norte de Nápoles. Fundada por São Bento de Núrsia por volta de 529, é o berço da Ordem de São Bento (Beneditinos), O.S.B., a primeira ordem religiosa, na Europa, da Igreja Católica. Esta abadia medieval possui uma magnífica biblioteca e uma rica colecção de arte. Almoço em restaurante local.

Após o almoço saída em direcção a Pompeia, para visita do Parque Arqueológico de Pompeia. Pompeia, antiga cidade do Império Romano, foi destruída em 79 d.C. durante uma grande erupção do vulcão Vesúvio, que provocou uma intensa nuvem piroclástica que que sepultou toda a cidade. As ruínas de Pompeia foram descobertas, no século XVI, pelo arquitecto Domenico Fontana, mas a escavação arqueológica só teve início em 1748. Pompeia é um dos sítios arqueológicos mais relevantes do mundo, tendo sido considerado Património Mundial pela UNESCO, em 1997. Regresso ao hotel em Roma ao final da tarde.

Jantar final servido em restaurante local e alojamento.

 

Dia 8 | 9 DE SETEMBRO DE 2015 (Quarta-feira)
ROMA/ LISBOA - VISITA DO VATICANO, PANORÂMICA DE ROMA & REGRESSO A PORTUGAL

Pequeno-almoço servido no hotel. Check-out e saída com o guia local em direcção a Roma, para visita da Cidade do Vaticano, incluindo a Basílica de São Pedro. Visita da Capela Sistina situada no Palácio Apostólico, residência oficial do Papa na Cidade do Vaticano. Aqui deixaram obra os principais artistas do Renascimento, incluindo Miguel Ângelo, Rafael, Sandro Botticelli, Bernini, entre outros. Continuação com a visita aos Jardins do Vaticano, que cobrem cerca de 23 ha do território da Cidade do Vaticano. Aqui existem vários tipos de vegetação exótica característica. A grande variedade de plantas é resultado de uma colecção ecléctica de espécies botânicas de outros continentes e países, como o Brasil, a China, o Japão e a Austrália. Os jardins são meticulosamente cuidados e enriquecidos com importantes esculturas, fontes e grottos. Esta visita será efectuada com o guia local e guia interno dos jardins.

Almoço em restaurante local. Após o almoço saída em direcção a Roma. A história de Roma remonta à sua fundação lendária em 753 a.C., sendo conhecida como "A Cidade Eterna" desde a Antiguidade. Visita panorâmica da cidade com guia local, com destaque para os principais monumentos.

Em hora a indicar localmente, transfer para o aeroporto para embarque em voo regular directo da TAP Air Portugal com destino a Lisboa:

  • TP 833 – ROMA / LISBOA – 16H35 / 21H35


Chegada a Lisboa e formalidades de desembarque.

 

Fim da Viagem

 

ITÁLIA - VILAS DO IMPÉRIO ROMANO AO RENASCIMENTO |
2 A 9 DE SETEMBRO DE 2015


NOTA:
  • A viagem só se realizará com um mínimo de 15 participantess.
PREÇOS:
  • Associado da AAJBA: 2289,00 € (15 a 19 inscrições) / 2095,00 € (20 ou mais inscrições)
  • Não Associado AAJBA: 2389,00 € (15 a 19 inscrições) / 2195,00 € (20 ou mais inscrições)
  • Suplemento de quarto individual: 249,00 €

INSCRIÇÕES E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO:

  • Inscrição mediante pagamento de um depósito não reembolsável* no valor de 850€ até dia 01 de Junho de 2015 (*salvo cancelamento da viagem por falta de inscrições).
  • Pagamento de 1195€ até dia 30 de Junho de 2015; e remanescente até dia 14 de Junho de 2015.
  • Cheque à ordem de Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda
  • Transferência bancária NIB 0010 0000 2468 3460 001 66 – BPI
SERVIÇOS INCLUÍDOS NESTES PREÇOS:
  • Passagem aérea em voo regular directo da Companhia Aérea TAP Air Portugal em classe económica e tarifa especial de grupo com direito ao transporte de 1 peça de bagagem de porão até ao máximo de 23kg e 1 peça de bagagem de mão até ao máximo de 8kg;
  • Taxas de aeroporto, combustível e segurança (sujeitas a alteração até ao momento da emissão dos bilhetes);
  • 2 noites de estadia em Pádua no Hotel Crowne Plaza Padova- 4 estrelas (ou similar);
  • 2 noites de estadia em Florença no Idea Hotel Firenze Business- 4 estrelas (ou similar);
  • 3 noites de estadia em Romano Hotel Mercure Roma West– 4 estrelas (ou similar);
  • Regime de Meia Pensão durante toda a viagem (7 pequenos-almoços em hotéis + 8 almoços em restaurantes locais + 1 jantar especial de despedida em Roma) sem bebidas incluídas;
  • Todos os transferes mencionados em autocarro privado com ar condicionado;
  • Taxas de alojamento municipais obrigatórias em Pádua, Florença e Roma;
  • Auriculares para todas as visitas guiadas;
  • Todas as visitas mencionadas com acompanhamento de guia local português, espanhol ou inglês;
  • Seguro Multiviagens GOLD (com cobertura máxima até 50.000 €)
  • Taxas hoteleiras, de serviço e IVA;
  • Viagem cultural comentada pela Presidente da AAJBA, Arq.ª Pais. Sónia Talhé Azambuja, docente universitária (ISA/ULisboa e FCT/UAlg) de História e Teoria da Arte dos Jardins e de História da Arte Geral
Opcionais:
  • Para participantes de fora de Lisboa – possibilidade de reservar voos a partir do Porto ou de ligação a Lisboa, bem como alojamento que assegure os voos definidos.
Serviços não incluídos:
  • Serviço de bagageiros em hotéis e aeroporto, bem como gorjetas a motoristas e guias;
  • Jantares (com excepção do jantar de despedida em Roma);
  • Extras de carácter pessoal e outros serviços não indicados como incluídos, como despesas de carácter pessoal, serviços de lavandaria, chamadas telefónicas, etc.

 

HÓTEIS:

  • HOTEL ANTONY PALACE * * * *


    Via Enrico Mattei, 26, 30020 Marcon VE, ItáliaTel: +39 041 596 2301

    Website

    O Antony Palace é um impressionante edifício redondo situado perto do Aeroporto Marco Polo em Veneza e a 10 minutos a pé da Estação Ferroviária de Gaggio. Os quartos estão decorados num encantador estilo veneziano, com uma ampla casa de banho em mármore. Cada quarto apresenta uma televisão LCD com canais por satélite e Internet de alta velocidade gratuita. O acesso Wi-Fi está disponível em todo o edifício. O Restaurante Bacaro Rosso serve cozinha italiana clássica e especialidades de Veneto. O pequeno-almoço é um buffet que inclui frutas frescas, croissant e bolos. Os amigáveis e multilingues funcionários do Hotel Antoni Palace podem fornecer informações turísticas e de viagens.

  • IDEA HOTEL FIRENZE BUSINESS * * * *


    Via del Pantano, 16, 50142 Firenze, Itália Tel: +39 055 538 6800

    Website

    O Idea Hotel Firenze Business apresenta acomodações modernas e estacionamento gratuito. Está em Scandicci, a 3 km da Auto-Estrada A1 e a 9 km do centro de Florença. Os quartos dispõem de uma televisão LCD por satélite, minibar e ar condicionado. Um amplo buffet de pequeno-almoço é servido todas as manhãs na sala de refeições do hotel.

  • BEST WESTERN HOTEL I TRIANGOLI * * * *


    Via Ermanno Wolf Ferrari 285, 00124 Casal Palocco, Itália Tel: +39 0650 0871

    Website

    O Best Western I Triangoli está situado junto à Via Colombo, entre o centro da cidade e o mar, em Ostia. O hotel dispõe de estacionamento interior e exterior, e de acesso Wi-Fi gratuito. Todos os quartos estão equipados com comodidades para preparar chá/café, uma varanda e acesso gratuito à Internet. A maioria dos quartos tem vista do jardim em redor do hotel. Todos os dias, está disponível um buffet de pequeno-almoço. O Aeroporto Fiumicino, em Roma, situa-se a 17 km. O autocarro número 065 pára perto do I Triangoli e faz ligação à Estação Acilia, na linha ferroviária Roma - Ostia.

 

CONDIÇÕES DE VIAGEM

  • ALTERAÇÕES – Sempre que existam razões justificadas, a GeoStar reserva o direito de alterar a ordem do percurso ou substituir qualquer dos hotéis previstos por outros de igual categoria, facto de que dará conhecimento ao cliente. A não-aceitação por parte do cliente, dentro do prazo que for fixado, das referidas alterações, confere-lhe o direito de rescindir o contrato e a ser reembolsado da totalidade das quantias entretanto pagas.

  • ALTERAÇÃO DO PREÇO – Os preços constantes do programa estão baseados nos custos dos serviços e taxas de câmbio vigentes à data da elaboração desta proposta, pelo que estão sujeitos a alteração que resulte de variações no custo dos transportes ou do combustível, de direitos, impostos, taxas e flutuações cambiais.
    Sempre que se verifique uma alteração ao preço da viagem, o cliente deve ser imediatamente informado e convidado, a dentro do prazo que for fixado, aceitar o aumento verificado ou anular a sua inscrição nos mesmos termos e condições que os previstos na rubrica «IMPOSSIBILIDADE DE CUMPRIMENTO».

  • DESISTÊNCIAS – Se o cliente ou algum dos seus acompanhantes desistir da viagem, será necessário pagar todos os encargos a que a desistência dê lugar e ainda uma percentagem que pode ir até 30% do preço da viagem. Quando seja caso disso, o cliente será reembolsado pela diferença entre a quantia já paga e os montantes acima referidos.

  • REEMBOLSOS – Depois de iniciada a viagem não são devidos quaisquer reembolsos por serviços não utilizados pelo cliente. A não prestação de serviços previstos no programa por causas não imputáveis à Agência organizadora, e caso não seja possível a sua substituição por outros equivalentes, confere ao cliente o direito a ser reembolsado pela diferença entre o preço dos serviços previstos e dos efectivamente prestados.

  • IMPOSSIBILIDADE DE CUMPRIMENTO - Se por factos não imputáveis à GeoStar esta vier a ficar impossibilitada de cumprir algum serviço essencial constante do programa de viagem, tem o cliente direito a desistir da viagem, sendo imediatamente reembolsado de todas as quantias pagas ou, em alternativa, aceitar por escrito uma alteração de contrato e eventual variação de preço. Se os referidos factos não imputáveis à Agência organizadora vierem a determinar a anulação da viagem, pode o cliente ainda optar por participar numa outra viagem organizada, a preço equivalente. Se a viagem organizada proposta em substituição for de preço inferior, será o cliente reembolsado da respectiva diferença.

  • RESPONSABILIDADES – A responsabilidade da Agência organizadora das viagens constantes deste programa e emergente das obrigações assumidas, encontra-se garantida por um seguro de responsabilidade civil e por um seguro de caução nos termos da legislação em vigor.

  • NOTAS IMPORTANTES – Os preços das viagens e suplementos indicados neste programa foram calculados com base nos custos dos transportes e do combustível, de direitos, impostos, taxas e câmbios vigentes à data da impressão deste programa, estando sujeitos a alteração. Os preços mencionados incluem o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) à taxa de 23% e são válidos para um mínimo de 20 participantes

  • ORGANIZAÇÃO - A Organização Técnica desta viagem foi realizada por GeoStar / Nome Fiscal - RASO - Viagens e Turismo, SA, com sede na  Torre Oriente - Av. do Colégio Militar, Nº 37 F, 5º   1500-081 Lisboa  Portugal. Contribuinte Fiscal n.º 500 886 113, com o capital social de 6.000.000,00 €, RNAVT Nº Registo 1819.

 

INFORMAÇÕES:

Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda (AAJBA)
Jardim Botânico da Ajuda. Calçada da Ajuda, 1300-011 Lisboa. Portugal (GPS: N38°42'23.77" W9°12'8.75")
tel: [+351] 213 628 284 | telm: [+351] 915 297 903 | fax: [+351] 213 622 503 |
web: www.aajba.com | e-mail: info@aajba.com

 

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

Aldeias de Xisto- 23 E 24 DE MAIO DE 2015
VISITANDO JANEIRO DE CIMA, BARROCA , FAJÃO, PIÓDÃO, BENFEITA E ALDEIA DAS DEZ



Programa

Dia 1 | 23 MAIO (SÁB.) – LISBOA / JANEIRO DE CIMA / BARROCA / FAJÃO

Comparência cerca das 07h00 em local a determinar para partida em autocarro de turismo em direcção a Janeiro de Cima. Encontra-se na margem esquerda do Zêzere, numa zona quase plana, rodeada por uma extensa manta de terrenos agrícolas. No núcleo antigo da aldeia, caminha-se sem pressas pelo emaranhado de ruas sinuosas em que as casas se encostam umas às outras revelando as suas características fachadas em xisto, ponteadas por seixos redondos e brancos. É por aqui que se escondem segredos como a Casa das Tecedeiras (visita), que reinventam tradições e nos fazem viajar no tempo. Caso exista possibilidade iremos dar um pequeno passeio nas barcas típicas existentes neste local.

Almoço no Restaurante O Fiado ou similar.

Após o almoço, continuação da viagem em direcção à Barroca. A parte mais antiga da Barroca está implantada ao longo de um pequeno morro, ladeado por duas linhas de água profundamente cavadas, formando um conjunto perpendicular ao curso do Zêzere, com o qual confina. A Casa Grande antigo solar do Séc. XVIII onde hoje funciona o Centro Dinamizador das Aldeias do Xisto, acolhe-nos e lança-nos à descoberta. Na Barroca continua a respirar-se um ambiente rural, pautado pelos seus ciclos agrícolas. A paisagem circundante é enquadrada pelo pinhal e pelas pirâmides das escombreiras da Lavaria do Cabeço do Pião, que já pertenceram às Minas da Panasqueira. O espelho de água e a paisagem impõem um momento de pausa, antes de se atravessar a ponte pedonal para a outra margem e descobrir as gravuras rupestres que os nossos antepassados ali deixaram gravadas na rocha há milhares de anos. A Casa Grande também alberga um Centro de Interpretação  (visita) deste património  e desafia-nos a percorrer a Rota da Arte Rupestre do Pinhal Interior. Após esta visita, continuação em direcção a Fajão. Antiga Vila, encaixada numa pitoresca concha da Serra, alcandorada sobre o Rio Ceira, perto da sua nascente, entre altos e gigantescos penedos de quartzito, cuja configuração faz lembrar antigos castelos naturais. As obras de requalificação da aldeia começaram em Setembro de 2003 e abrangeu, além de espaços públicos, imóveis particulares. Os proprietários demoliram, voluntariamente, parte dos seus imóveis e Fajão ganhou uma aura mais pitoresca.

Check-in na Pousada A Cadeia. Jantar no Restaurante O Pascoal ou similar.

Após o jantar, regresso à Pousada. Alojamento.

Dia 2 | 24 MAIO (DOM.) – FAJÃO / PIÓDÃO / FOZ DA ÉGUA / SANTUÁRIO DA SENHORA DAS PRECES / ALDEIA DA DEZ / BENFEITA / LISBOA

Pequeno-almoço e saída em direcção ao Piódão. A Aldeia do Piódão é considerada uma das mais bonitas do País, classificada como “Aldeia Histórica de Portugal“. As suas típicas casas de xisto e lousa, com janelas em madeira pintadas de azul, descem graciosamente a encosta da serra, formando um anfiteatro nesta íngreme serra, sendo por muitos apelidada de “aldeia presépio”. Piódão é uma aldeia serrana, de feição rural, e acessos difíceis, um excelente exemplo de como o ser humano se adaptou ao longo dos séculos aos mais inóspitos locais. A natureza envolvente está quase que em estado puro, observando-se pela região diversas espécies de fauna e flora típicas do local. A aldeia ter-se-á desenvolvido de um anterior Castro lusitano “Casal de Piodam”, hoje em dia em ruínas, que terá sabiamente aproveitado e aperfeiçoado a agricultura em socalcos. Já no século XX o estilo de vida que durante anos perdurou no Piódão sofre uma grande mudança, com a emigração em massa que se fez sentir, perdendo-se a força da terra.

Após esta visita, continuação em direcção à Foz de Égua. A aldeia é caracterizada pelo seu aspecto rural serrano, com as suas típicas casas de xisto e lousa, circundadas por uma natureza quase em estado puro, rica em espécies de fauna e flora que aqui encontram o seu habitat natural. Durante muitos anos isolada, é uma aldeia com origens remotas e que sobreviveu às intempéries em comunidade. Nesta aldeia, situa-se uma praia fluvial de grande beleza, o ponto de encontro da ribeira de Piódão com a ribeira de Chãs, que correm em direcção ao rio Alvoco.

Continuação para o Santuário de Nossa Senhora das Preces. O Santuário é um local de características únicas, testemunho de uma devoção e evolução ao longo dos séculos recentes que nos precedem. No espaço, dos 650 metros de altitude até aos 750 metros, encontramos: na parte inferior, uma imponente e verdejante arborização, constituída por variadas espécies exóticas e algumas árvores da região, e um conjunto de lagos em granito; nos patamares acima: a igreja, o coreto, o lago do repuxo, o chafariz monumental, a gruta do Presépio, as capelas da Paixão de Cristo, a Albergaria (recentemente restaurada), alguns edifícios anexos e majestosas árvores seculares.

Almoço no Restaurante Quinta da Geia ou similar localizado na Aldeia das Dez, uma aldeia encantadora, sobranceira ao rio Alvôco.

Toda ela parece um demorado miradouro, com vista privilegiada para as serras envolventes. Respire o seu ar puro, tente conhecer a sua vasta história e certifique-se de ter passado em cada recanto. As vistas da aldeia miradouro conquistam qualquer visitante apreciador das deslumbrantes paisagens da Serra da Estrela. Aqui, cada casa, cada rua e cada largo é um miradouro. Construída predominantemente em granito, a Aldeia das Dez, detém um património construído impressionante, com destaque para a Igreja Matriz, cujo interior está decorado com sumptuosa talha dourada. Na aldeia moraram muitos entalhadores e douradores, que beneficiaram a aldeia com as suas obras. A talha dourada da Igreja Matriz é disso exemplo, juntamente com esculturas e pinturas que embelezam o interior do edifício.

No fim desta visita, partida em direcção à Benfeita, passando pela Fraga da Pena - corresponde a um acidente geomorfológico, no qual a Ribeira de Degrainhos se precipita em queda de água com uma altura de 19 metros. Após esta breve paragem, continuamos viagem com destino à Benfeita, uma das "aldeias brancas" da Rede das Aldeias do Xisto.

No fim da visita, regresso a Lisboa. Paragens técnicas durante o trajecto. Chegada a Lisboa ao fim do dia.

 

Fim da Viagem

 

ALDEIAS DO XISTO - 23 E 24 DE MAIO DE 2015


PREÇOS:
  • Associado da AAJBA:270,00 Euros (15 inscrições) / 240,00 Euros (16 ou mais inscrições)
  • Não Associado da AAJBA: 295,00 Euros
  • Suplemento de quarto individual: 15,00 Euros
NOTA:
  • A viagem só se realizará com um mínimo de 15 participantess.

INSCRIÇÕES E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO:

  • Inscrição mediante pagamento de um depósito não reembolsável* no valor de 135.€ até dia 28 de Abril de 2015 (*salvo cancelamento da viagem por falta de inscrições).
  • Pagamento do remanescente até dia 8 de Maio- de 2015.
  • Transferência bancária NIB 0010 0000 2468 3460 001 66 – BPI
SERVIÇOS INCLUÍDOS NESTES PREÇOS:
  • Autocarro de Turismo com ar condicionado para o trajecto Lisboa / Janeiro de Cima / Barroca / Fajão / Piódão / Foz de Égua / Aldeia das Dez / Benfeita / Lisboa;
  • Estadia de 1 noite na Pousada A Cadeia ou similar, incluindo o pequeno-almoço diário;
  • 3 Refeições conforme mencionado no programa;
  • Visitas de acordo com o itinerário, acompanhadas por guia;
  • Taxas hoteleiras, de turismo, serviço e IVA, à taxa em vigor a 24 Mar.15;
  • Seguro de viagem;
  • Livro de viagem Oasistravel;
  • Documentação com informações detalhadas sobre a viagem.
SERVIÇOS NÃO INCLUÍDOS
  • Quaisquer serviços que não se encontrem devidamente mencionados no presente programa, e extras efectuados durante a estadia, tais como, bebidas nas refeições, telefonemas, lavagem de roupa etc.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:

  • Bilhete de Identidade ou Cartão do Cidadão.

INFORMAÇÕES:

Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda (AAJBA)
Jardim Botânico da Ajuda. Calçada da Ajuda, 1300-011 Lisboa. Portugal (GPS: N38°42'23.77" W9°12'8.75")
tel: [+351] 213 628 284 | telm: [+351] 915 297 903 | fax: [+351] 213 622 503 |
web: www.aajba.com | e-mail: info@aajba.com

 

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

 

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

India - de Agra a Caxemira: na rota dos jardins e paisagens do Império Mogul - 14 a 26 DE ABRIL 2015




No século XIII, os mongóis, povo nómada de pastores e guerreiros oriundos da Mongólia, liderados por Genghis Khan, conquistam um vasto Império na Ásia, desde a China até à Rússia e Médio Oriente. A seu politeísmo primitivo é substituído pela religião e cultura islâmica dos povos conquistados. No século XIV, Timur invade a Índia, onde predominava a civilização hindu e alguns focos muçulmanos decorrentes de invasões anteriores. Em 1526, Babur, seu descendente, conquista Delhi e Agra, onde constrói jardins ao longo do rio Yamuna, como forma de marcação territorial e de experiência de paisagem, marcando o início deste período excepcional da história de arte dos jardins: o Império Mogul.

A paixão intuitiva pela paisagem natural e selvagem que os imperadores Mogul herdam dos seus antepassados, contrastante como a sua incessável procura de conforto, tranquilidade e ordem, origina a criação do  jardim Mogul enquanto representação deste ideal de paisagem: jardim murado, com ordem e simetria decorrente de um eixo gerador, quadripartido como o jardim do paraíso; sobrelevado para gozar de vistas sobre os rios e as paisagens; pontuado de pavilhões para estadia e captação de brisas; percorrido por água em caleiras, canais e tanques para rega, ornamento e banhos de relaxamento.

A dinastia Mogul reina entre 1526 e 1858 nos territórios hoje divididos entre o Paquistão, Afeganistão, Caxemira e Norte da Índia. A expansão do Império é assinalada pela construção de novas cidades e jardins, através dos quais cada imperador ambiciona superar a qualidade, elegância e requinte dos seus antecessores, tendo-se estabelecido em três zonas principais: a região de Agra e Delhi, com clima tropical e monções no Verão; o vale de Caxemira, no sopé dos Himalaias, com clima de altitude, grandes amplitudes térmicas, abundância de água, solos férteis e maior presença hindu; e o caminho entre Agra e Caxemira, longas alamedas de plátanos frondosos pontuadas por palácios, pavilhões e jardins.

É nestas regiões de maior relevância que traçámos o nosso programa, vindo agora desafiá-lo a percorrer connosco a rota dos jardins e paisagens do Império Mogul.


Viagem cultural acompanhada e comentada por Miguel Coelho de Sousa, arquitecto paisagista


Programa


Dia 1 | 14 Abril (Terça-feira) | Lisboa (ou Porto, opcional)/ Istambul / Delhi

09h00
Comparência no aeroporto de Lisboa, na loja da GeoStar situada na zona das partidas, para entrega da documentação e assistência pelo representante da GeoStar nas formalidades de embarque. Partida com destino a Delhi, em voo regular da companhia aérea Turkish Airlines.

TK 1756 LISBOA 11H25 / ISTAMBUL 18h00 | TK 716 ISTAMBUL 19H55 / DELHI 04H20

 

Dia 2 | 15 Abril (Quarta-feira) | Delhi / Srinagar

Chegada ao aeroporto de Delhi às 04h20, formalidades alfandegárias, recolha das bagagens e trânsito para voo seguinte. Partida com destino a Srinagar, em voo regular da companhia aérea Indi Go.

6E 551 DELHI 07H30 / SRINAGAR 08h50
Assistência pelo representante local.

Transfer para o hotel Grand Lalit Palace (early check-in sujeito a disponibilidade do hotel).

Visita ao Jardim das Tulipas de Srinagar, com cerca de quinze hectares ao longo da margem do lago Dal, onde se poderão apreciar cerca de 1,5 milhões de tulipas com florações exuberantes de diversas cores e tonalidades.
Almoço no Lago Dal a bordo de um Barco Hotel, típico alojamento local, decorrente da prática britânica que contornava a proibição de edificação então imposta. Estas embarcações são integralmente construídas em madeira e decoradas interiormente com talha e tapeçarias.

De tarde, visita a Char Chinar, uma pequena ilha onde em 1641 foram plantados quatro plátanos por um antigo governador da região de Caxemira.

Jantar no hotel e alojamento.

 

Dia 3 | 16 Abril (Quinta-feira) | Srinagar

Pequeno almoço no hotel.

Visita a três jardins Mogul do séc. XVII: Shalimar Bagh, o jardim do palácio imperial de veraneio, construído em terraços na margem do lago Dal, atravessado por um canal central que transporta água até quatro tanques; Nishat Bagh, o jardim do prazer, deleite ou alegria, e Chashma Shahi Bagh, a Nascente Real, famosa pela água pura, fria e transparente, situada no topo de uma encosta com vista sobre o lago Dal.

Almoço em restaurante local.

Visita a Almond Villa, vila das Amendoeiras, situada em local idílico não só pelo seu bonito arvoredo, mas também pelas vistas sobre o lago Dal e a montanha de Zabarwan na sua frente, que faz parte do vale de Caxemira.
Jantar no hotel e alojamento.

 

Dia 4 | 17 Abril (Sexta-feira) | Srinagar / Dehli

Pequeno almoço no hotel.

Visita ao jardim Badamwari, lindíssimo na primavera pelas suas amendoeiras em flor, e à Jamia Mosque, uma importante mesquita construída pelo sultão Sikandar em 1400. Mais tarde, o filho do sultão, Zain-ul-Abidin aumentou a mesquita. A paz e tranquilidade que se faz sentir no seu interior contrasta com a agitação dos bazares que se encontram em torno dele. Milhares de muçulmanos frequentam a mesquita todas as sexta-feiras para rezar.

Almoço em restaurante local.

Após almoço, transfer para o aeroporto de Srinagar.
Partida com destino a Delhi, em voo regular da companhia aérea Spice Jet.
SG 854 SRINAGAR 16H30 / DELHI 17h40

Na chegada a Dehli, assistência pelo representante local e cerimónia de boas vindas com um ritual Mouli (fio de algodão vermelho, considerado sagrado, utilizado nas cerimonias religiosas na Índia).

Transfer para o Hotel The Park ou Kempinski Ambience. Check-in no hotel.
Jantar no hotel e alojamento.

Dia 5 | 18 Abril (Sábado) | Dehli

Pequeno almoço no hotel.

Visita panorâmica a Delhi: Parlamento e Rashtrapati Bhawan, residência do Presidente da República. Visita à India Gate, monumento com cerca de 42m de altura, construído como memorial aos 90.000 soldados indianos que morreram durante a Primeira Guerra Mundial.

Passeio pelos Jardins Lodi, um dos locais mais verdes de Delhi e um bom ponto de partida para reflexão das origens dos jardins do período Mogul.

Almoço no hotel.

Tarde livre.

Jantar no hotel e alojamento.

 

Dia 6 | 19 Abril (Domingo) | Delhi

Pequeno almoço no hotel.
Old e New Delhi. Visita à Jama Masjid, a maior mesquita Indiana e uma das maiores da Ásia, com capacidade para acolher 25 mil fiéis, e ao Red Fort, ambos monumentos do Império Mogul (séc. XVII).

Almoço em restaurante local.
New Delhi. Visita aos jardins dos Túmulos de Humayun e de Isa Khan (séc. XVI).

Jantar no hotel e alojamento.

 

Dia 7 | 20 Abril (Segunda-feira) | Delhi / Bharatpur

Pequeno almoço no hotel.

Visita ao Parque Arqueológico Mehrauli, conhecido como Jamali Kamali. Este parque ocupa uma grande área ajardinada, onde se localizam diversos monumentos e ruínas com mais de oitocentos anos, tais como o Pilar de Ferro (séc. IV); o Qutb Minar (Torre da Vitória, séc. XII), minarete de tijolo mais alto do mundo, com 70 metros, declarado Património Mundial da Unesco; a Quwwat-ul-Islam Masjid (a primeira mesquita construída na Índia, séc. XII); ou o Túmulo de Iltutmish (séc. XIII).

Almoço em restaurante local.

Saída em direcção a Bharatpur (200 km, 4h30).

Check-in no Hotel Laxmi Niwas Palace.
Jantar no hotel e alojamento.

 

Dia 8 | 21 Abril (Terça-feira) | Bharatpur / Agra / Bharatpur

Pequeno almoço no hotel.

Saída em direcção a Agra (55 km, 1h30).

Visita aos jardins do Túmulo de I’timad-ud-Daulah e ao Mehtab Bagh (séc. XVII). Este último, conhecido como o Jardim do Luar, prolonga a geometria do Taj Mahal pela margem oposta do rio Yamuna, proporcionando vistas privilegiadas e uma percepção global do complexo e da sua integração paisagística .

Almoço em restaurante local.

Visita ao Taj Mahal. Monumento do séc. XVII considerado uma das 7 maravilhas do mundo, simboliza o amor do Imperador Shah Jahan pela imperatriz Mumtaz Mahal. Demorou 22 anos a construir por cerca de 20 mil trabalhadores; o mármore utilizado foi transportado por elefantes a partir de jazidas a cerca de 400km.

Prosseguindo pelas margens Rio Yamuna visitamos o Forte de Agra (séc. XVI, classificado como Património Mundial pela Unesco).

 

Dia 9 | 22 Abril (Quarta-feira) | Bahratpur

Pequeno almoço no hotel.

Saída em direcção a Agra (55 km, 1h30).

Visita aos jardins do Túmulo de I'timad-ud-Daulah e ao Mehtab Bagh (séc. XVII). Este último, conhecido como o Jardim do Luar, prolonga a geometria do Taj Mahal pela margem oposta do rio Yamuna, proporcionando vistas privilegiadas e uma percepção global do complexo e da sua integração paisagística .

Almoço em restaurante local.

Visita ao Taj Mahal. Monumento do séc. XVII considerado uma das 7 maravilhas do mundo, simboliza o amor do Imperador Shah Jahan pela imperatriz Mumtaz Mahal. Demorou 22 anos a construir por cerca de 20 mil trabalhadores; o mármore utilizado foi transportado por elefantes a partir de jazidas a cerca de 400km.

Prosseguindo pelas margens Rio Yamuna visitamos o Forte de Agra (séc. XVI, classificado como Património Mundial pela Unesco).

 

Dia 10 | 23 Abril (Quinta-feira) | Bahratpur / Abhaneri / Jaipur

Pequeno almoço no hotel.

Saída em direcção a Jaipur (185 km, 4h30), visitando no caminho Abhaneri, uma aldeia famosa pelo seu Chand Baori (séc. IX), reservatório de água imponente construído defronte do Templo de Harshat Mata, deusa da alegria e felicidade, para armazenamento de água pluvial. Com uma profundidade de cerca de 30 metros, garantia uma importante reserva de água na estação seca. O acesso faz-se através de uma elegante estrutura de 3500 degraus rigorosamente organizados num padrão geométrico distribuído por 13 andares.

Almoço no Geejgarh Eco Village Resort.
Continuação da viagem para Jaipur.

Chegada ao hotel Shahpura House e check-in.
Jantar e alojamento no hotel

 

Dia 11 | 24 Abril (Sexta-feira) | Jaipur

Visita ao Amber Fort (subida de elefante sujeita a disponibilidade). Mandado construir em 1592 por Raja Man Singh I, em arenito vermelho e mármore branco, só foi completado no início do século XVIII. Antes da construção do City Palace, em Jaipur, este Palácio Forte foi a sede do reino de Kachwahas e controlava uma vasta área no Rajasthan. O forte e os seus jardins revelam uma interessante fusão da arquitectura Hindu e Mogul.

Visita ao Palácio Rajput de Samode (séc. XVI/XIX), actualmente convertido em hotel gerido pelos seus proprietários hereditários.

Almoço no Samode Palace.

Visita aos jardins de Rambagh Palace, anterior residência do Maharaja de Jaipur (1925), no lugar de uma antiga reserva de caça do séc. XIX com cerca de 20 hectares densamente arborizados.

Regresso ao hotel.
Jantar e alojamento.

 

Dia 12 | 25 Abril (Sábado) | Jaipur

Pequeno almoço no hotel.

Visita ao City Palace, constituído por quatro palácios principais: Dilkusha Mahal, Moti Mahal, Sheesh Mahal e Krishna Mahal. Mandado construir pelo Marajá Jai Singh II ao estilo da arquitetura Rajasthani e Mogul. Além dos seus salões e jardins, o museu do Palácio tem uma interessante colecção de armas, tapeçarias e manuscritos.

Visita ao Jantar Mantar e Observatório, construído em 1726, pelo então Marajá de Jaipur – Sawai Jai Singh, é o maior observatório do mundo esculpido em pedra e mármore.

Almoço em restaurante local.

Visita aos jardins Sisodia Rani Ka Bagh, num Palácio construído em 1728 pelo Marajah Sawi Jai Sing II, como presente para sua mulher Sisodia, rainha de Udaipur. Os seus jardins dispostos em terraços com fontes, canais e pavilhões culminam no nível superior onde se encontra o palácio, o qual detém muitas galerias, pavilhões e murais que evidenciam cenas da vida da deusa Krishna, figura mitológica central do Hinduismo.

Partida para o aeroporto de Jaipur para voo regular da companhia Jet Airways com destino a Dehli.
9W720 JAIPUR 19h00 / DELHI 19h55

Transfer para o hotel Holiday Inn New Delhi Int’l Airport, perto do aeroporto. Check in no hotel.

Jantar e alojamento.

 

Dia 13 | 26 Abril (Domingo) | Delhi / Istambul / Lisboa (ou Porto, opcional)

Pequeno almoço no hotel.

Em hora a indicar, saída do hotel em transfer privativo em direcção ao aeroporto.

Partida com destino a Lisboa (ou Porto, opcional), em voo regular da companhia aérea Turkish Airlines.

TK 717 DEHLI 06H05 / ISTAMBUL 10h25 | TK 1759 ISTAMBUL 11H45 / LISBOA 14H40

 

Fim da Viagem

 

ÍNDIA - de Agra a Caxemira: na rota dos jardins e paisagens do Império Mongul - 14 a 26 de Abril


NOTA:
  • A viagem só se realizará com um mínimo de 15 inscrições.
PREÇOS:
  • Associado da AAJBA: 2880,00 Euros (15 a 19 inscrições) / 2750,00 Euros (20 ou mais inscrições)
  • Não Associado AAJBA: 2980,00 Euros (15 a 19 inscrições) / 2850,00 Euros (20 ou mais inscrições)
  • Suplemento de quarto individual: 645,00 Euros

INSCRIÇÕES E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO:

  • Inscrição mediante pagamento de um depósito não reembolsável* no valor de 40% até 4 de Fevereiro de 2015.
    (* salvo cancelamento da viagem por falta de inscrições)
    Pagamento do valor remanescente (60%) até 30 de Março de 2015.
  • Cheque à ordem de Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda
  • Transferência bancária NIB 0010 0000 2468 3460 001 66 – BPI
SERVIÇOS INCLUÍDOS NESTES PREÇOS:
  • Passagem aérea em voo regular directo da Companhia Turkish Airlines; classe económica e tarifa especial de grupo;
  • 2 noites de estadia em Srinagar no  Grand Lalit Palace – 5 estrelas;
  • 3 noites de estadia em Delhi no Park Hotel New Delhi - 5 estrelas (ou similar);
  • 3 noites de estadia em Bharatpur no Laxmi Niwas Palace - 4 estrelas (ou similar);
  • 2 noites de estadia em Jaipurno Shahpura House – 4 estrelas (ou similar);
  • 1 noite de estadia em Delhi no Holiday Inn New Delhi Int’l Arpt – 4 estrelas (ou similar);
  • Regime de Pensão completa durante toda a viagem: 10 pequenos-almoços + 11 jantares em hotéis e 11 almoços em restaurantes locais, sem bebidas incluídas;
  • Passagens aéreas Delhi / Srinagar / Dehli e Jaipur / Delhi com 23kg de bagagem de porão (15kg standard voo interno + 8kg extra incluídos);
  • Todos os transferes mencionados em autocarro privado (em Srinagar não existem autocarros de 30 lugares, pelo que o transporte será efectuado em viaturas de 10 lugares).
  • Taxas de alojamento;
  • Entradas nos monumentos mencionados no programa;
  • Riquexós em Delhi para o Red Fort;
  • Charretes em Agra para o Taj Mahal;
  • Elefantes para o Amber Fort (sujeito a disponibilidade);
  • Todas as visitas mencionadas com acompanhamento de guia local espanhol;
  • Seguro de viagem Multiviagens base (cobertura máxima 50.000 €)
  • Taxas hoteleiras, de serviço e IVA;
  • Assistência de 1 elemento da GeoStar durante toda a viagem a partir de Lisboa.
Opcionais:
  • Para participantes de fora de Lisboa – possibilidade de reservar voos a partir do Porto ou de ligação a Lisboa, bem como alojamento que assegure os voos definidos.
Serviços não incluídos:
  • Taxas de obtenção de Visto;
  • Extras de carácter pessoal e outros serviços não indicados como incluídos, como despesas de carácter pessoal, serviços de lavandaria, chamadas telefónicas, etc.;

 

HÓTEIS:

  • DEHLI | The Park Hotel * * * * *
    15, Parliament Street - New Delhi, Delhi 110001, Índia | Tel: + 91 11 2374 3000
    http://www.theparkhotels.com/new-delhi/new-delhi.html

    The Park, New Delhi, highly rated among the luxury five star hotels in Delhi is situated in the heart of the city centre's business and entertainment hub - Connaught Place. Stylish spaces coupled with discreet luxury and impeccable service renders this New Delhi hotel a unique flavor. Lined with handpicked contemporary art throughout the public and private spaces, this Delhi hotel provides an elevated standard of style, design and decor. State-of-the-art technology and amenities for commerce, leisure and relaxation makes The Park hotel an ideal choice for guests seeking accommodation in Delhi.

  • BHARATPUR | Laxmi Niwas Palace * * * *
    Dr. Karni Singhji Road, Bikaner (INDIA) 334001 | Tel: +91-151-2202777
    http://www.laxminiwaspalace.com/

    The Laxmi Niwas Palace was commissioned by His Highness Sir Ganga Singh Ji in 1904. The impetus behind it was two-fold – to provide employment to the townspeople and to create a stately residence worthy of the royal house of Bikaner.

    His Highness was a man of impeccable taste and supervised the artists, masons and builders personally in their endeavours. Many of the friezes on the palace’s walls, the geometrically perfect symmetry of its outlay, the ornate filigree work and latticed screens may all be attributed to his artistic vision and temperament.
    He was also a famous host and his guests, (nearly always royals or dignitaries with packed agendas) tended to overstay, sometimes for months longer than they had originally intended. We hope the grace and charm of His Highness’ former abode and our hospitality will have a similar effect on you.

  • JAIPUR | Shahpura House * * * *
    City Square, Vasundhara Colony,Tonk Road, Jaipur, Rajasthan 302018 India | Tel: +91 141 3004600
    http://www.shahpura.com/shahpurahouse/

    In 1956, Rao Dhir Singh, created the Shahpura House, once residence of erstwhile rulers and scion of the Shekhawat clan of Rajputs. The house has been converted into a hotel by Rao Dhir Singh and the doors have been flung open to the visitors from all over the world. Rare among hotels it has remained a family home, where the members of the erstwhile ruling family welcome you personally as their honored guest.

    The Traditional Rajput architect, a mixture of Mughal and Indian, a facade with domes and frescoes. The House is a very fine example of Shekhawati frescos and architecture. The family portraits, which add to the charm of this family hotel where tradition still runs strong. Like many historic houses, Shahpura House is a curious mixture of the old and the new.
    Shahpura House, Jaipur is located in a plush residential area of jaipur, well insulated from the bustle and chaos of the city in Rajasthan, a Northwestern province of India.Jaipur also called the Pink City, surrounded by the ancient Aravali Mountains and set on the edge of three lakes, is a brilliant kaleidoscope of narrow lanes flanked by bright stalls, gardens, lakes, palaces and temples. The Shahpura House is about 4 kilometers from the city center (Court Square).

  • SRINAGAR | Grand Lalit Palace * * * * *
    Gupkar Road Srinagar - 190001 Jammu & Kashmir India | Tel: +91-194-2501001
    http://www.thelalit.com/the-lalit-grand-palace-srinagar/

    Encircled by the Himalayan ranges and overlooking picturesque Dal Lake, The Lalit Grand Palace Srinagar is the former palace residence of the Maharajas, and has been carefully and meticulously restored. Designed and built by Maharaja Pratap Singh in 1910, the hotel stands witness to key events in India’s history. Previous guests include Lord Mountbatten, and the Palace courtyard’s Chinar Tree was once the site of a meeting between Mahatma Gandhi and the Maharaja Hari Singh.

  • DEHLI | Holiday Inn New Delhi Int’l Airport * * * *
    Asset Area 12 Hospitality District Aero City   New Delhi, 110037 India
    Tel: +91 11 422 22000 
    http://www.ihg.com/holidayinn/hotels/us/en/new-delhi/delap/hoteldetail

    Stay at the Holiday Inn New Delhi International Airport for convenient access to New Delhi Airport, Gurgaon, south & central Delhi with free Wi-Fi to all guests & free airport transfers on qualifying rates.Four kilometers from Delhi Airport, the hotel is ideal for business, leisure and transit travelers. Facilities include a choice of three dining outlets, 24-hour room service, free Internet access, contemporary rooms & leisure facilities such as Sohum Spa, The Salon, 24-hour Fitness Centre, accessible round the clock travel desk, souvenir shops & outdoor pool.

 

CONDIÇÕES DE VIAGEM

  • ALTERAÇÕES – Sempre que existam razões justificadas, a GeoStar reserva o direito de alterar a ordem do percurso ou substituir qualquer dos hotéis previstos por outros de igual categoria, facto de que dará conhecimento ao cliente. A não-aceitação por parte do cliente, dentro do prazo que for fixado, das referidas alterações, confere-lhe o direito de rescindir o contrato e a ser reembolsado da totalidade das quantias entretanto pagas.

  • ALTERAÇÃO DO PREÇO – Os preços constantes do programa estão baseados nos custos dos serviços e taxas de câmbio vigentes à data da elaboração desta proposta, pelo que estão sujeitos a alteração que resulte de variações no custo dos transportes ou do combustível, de direitos, impostos, taxas e flutuações cambiais.
    Sempre que se verifique uma alteração ao preço da viagem, o cliente deve ser imediatamente informado e convidado, a dentro do prazo que for fixado, aceitar o aumento verificado ou anular a sua inscrição nos mesmos termos e condições que os previstos na rubrica «IMPOSSIBILIDADE DE CUMPRIMENTO».

  • DESISTÊNCIAS – Se o cliente ou algum dos seus acompanhantes desistir da viagem, será necessário pagar todos os encargos a que a desistência dê lugar e ainda uma percentagem que pode ir até 30% do preço da viagem. Quando seja caso disso, o cliente será reembolsado pela diferença entre a quantia já paga e os montantes acima referidos.

  • REEMBOLSOS – Depois de iniciada a viagem não são devidos quaisquer reembolsos por serviços não utilizados pelo cliente. A não prestação de serviços previstos no programa por causas não imputáveis à Agência organizadora, e caso não seja possível a sua substituição por outros equivalentes, confere ao cliente o direito a ser reembolsado pela diferença entre o preço dos serviços previstos e dos efectivamente prestados.

  • IMPOSSIBILIDADE DE CUMPRIMENTO - Se por factos não imputáveis à GeoStar esta vier a ficar impossibilitada de cumprir algum serviço essencial constante do programa de viagem, tem o cliente direito a desistir da viagem, sendo imediatamente reembolsado de todas as quantias pagas ou, em alternativa, aceitar por escrito uma alteração de contrato e eventual variação de preço. Se os referidos factos não imputáveis à Agência organizadora vierem a determinar a anulação da viagem, pode o cliente ainda optar por participar numa outra viagem organizada, a preço equivalente. Se a viagem organizada proposta em substituição for de preço inferior, será o cliente reembolsado da respectiva diferença.

  • RESPONSABILIDADES – A responsabilidade da Agência organizadora das viagens constantes deste programa e emergente das obrigações assumidas, encontra-se garantida por um seguro de responsabilidade civil e por um seguro de caução nos termos da legislação em vigor.

  • NOTAS IMPORTANTES – Os preços das viagens e suplementos indicados neste programa foram calculados com base nos custos dos transportes e do combustível, de direitos, impostos, taxas e câmbios vigentes à data da impressão deste programa, estando sujeitos a alteração. Os preços mencionados incluem o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) à taxa de 23% e são válidos para um mínimo de 20 participantes

  • ORGANIZAÇÃO - A Organização Técnica desta viagem foi realizada por GeoStar / Nome Fiscal - RASO - Viagens e Turismo, SA, com sede na  Torre Oriente - Av. do Colégio Militar, Nº 37 F, 5º   1500-081 Lisboa  Portugal. Contribuinte Fiscal n.º 500 886 113, com o capital social de 6.000.000,00 €, RNAVT Nº Registo 1819.

 

INFORMAÇÕES:

Associação dos Amigos do Jardim Botânico da Ajuda (AAJBA)
Jardim Botânico da Ajuda. Calçada da Ajuda, 1300-011 Lisboa. Portugal (GPS: N38°42'23.77" W9°12'8.75")
tel: [+351] 213 628 284 | telm: [+351] 915 297 903 | fax: [+351] 213 622 503 |
web: www.aajba.com | e-mail: info@aajba.com

 

::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::::

  
dummy